2010

Éramos três e o tempo não pretendia passarSentados na escada, de mãos dadas, falando do passado, pensando no futuroE inquieto eu te pedi um beijo com aDesculpa de que éramos eternos amigos, logopor que não brincarmos só naquela bela noite?Você não só acatou, como me beijoutocando meus lábios de um jeito doceCom a química que... Continuar Lendo →

De outra dimensão

Hoje cheguei aMaldita conclusãoDe que não temosO mesmo timePara o amor.Tu gosta das minhaspalavrasTu ama as minhaspiadasE ao meu ver o nossoMomento é agoraPodemos fazer funcionarMas ao saber dissoVocê me ignoraPorque infelizmente nósNão temos o mesmo timepara o amor O seu momento seráDaqui a uns vinte anosNuma tarde radioativaEnquanto tu ministraUma de suas aulas deliteraturaUm... Continuar Lendo →

Correspondido

O céu estava completamente alaranjado, parecia que o mundo ensaiava o Apocalipse. Dani foi até a casa de Glauco e bateu três vezes no velho portão de alumínio. Ninguém atendeu. Gritou cinco, seis vezes e nada aconteceu. Ouvia-se apenas os latidos dos cães. Apreensiva, olhou no celular e notou que ele não havia visualizado suas... Continuar Lendo →

Heterocromia

Adilson sempre teve um fascínio enorme pelo olhar feminino. Se uma garota de olhos claros passasse pela gente, ele logo ficava encantado. Sua mente silenciava, a realidade parecia rodar em câmera lenta como nos filmes. Era horrível quando estávamos juntos e acontecia isso, pois eu era obrigado a repetir tudo que estava dizendo assim que... Continuar Lendo →

Previsivelmente imprevisível

Depois que largamos o expediente e trancamos a empresa, caminhamos até a esquina da rua e sentamos na mesa de um bar. Era o único bar em três quarteirões, nosso point certo de todas as sextas-feiras. Não ficamos dentro do bar, pegamos uma mesa na calçada. Era a trupe de sempre: eu, Joana, Alexandre, Eduardo,... Continuar Lendo →

Consequências

O cheiro forte de tinta se espalhava por quase todo escritório, a coisa andava complicada assim há semanas. Ainda bem que as obras realizadas nos corredores do prédio estavam acabando, logo a galera do contábil poderia voltar a respirar em paz. O negócio fica num edifício na Presidente Vargas, lá em cima, no vigésimo andar.... Continuar Lendo →

Escreva um blog: WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: